Variedades

Fotocoagulação a laser dói? Veja os cuidados necessários

Realizada para tratar diferentes tipos de doenças que afetam os vasos sanguíneos dos olhos, a fotocoagulação a laser nada mais é do que uma aplicação de raios laser que cauterizam a retina e impedem o avanço de enfermidades que possam resultar na perda total da visão.

Indicado no tratamento de retinopatia diabética, Degeneração Macular Relacionada à Idade, tumores intraoculares, infecções e descolamento de retina, o procedimento é bastante eficaz. Isso porque as cicatrizes causadas pelo laser ajudam a reduzir a formação de vasos sanguíneos anormais, que são os responsáveis por muitas doenças oculares.

Realizada em várias sessões com cerca de dez minutos cada, a fotocoagulação a laser não é um procedimento doloroso, já que é feito sob o efeito de um colírio anestésico. Apesar de dispensar de curativos, não é recomendado que os pacientes dirijam após o procedimento graças à necessidade de dilatação das pupilas. A quantidade de sessões recomendadas variam para cada caso, então consulte sempre um oftalmologista antes de iniciar a terapia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *